Escolha uma Página

Tava aqui meio zoada, esses dias não tem sido fáceis, muito trabalho, orçamento apertado, término de relação, prazos pra cumprir, um monte de frustrações pra dar conta, aquela certeza de que não vou conseguir fazer tudo o que gostaria até o ano acabar e mais um monte de pensamentos ruins. Mas ok, eu sou do tipo que quando perguntam se está tudo bem eu normalmente respondo que tirando o que não presta tá tudo ótimo. E tá mesmo! Tá tudo um caos, mas tá tudo bem. Tem um canto lá dentro de mim que é um paraíso particular, que me dá contentamento e me mantêm com um nível de felicidade que não muda mesmo quando o restante tá sinistro.

Essa coisa de se conhecer é uma viagem muito louca e boa. Voce acaba percebendo padrões que repete no automático, medos que te limitam e principalmente voce consegue listar tudo o que fez e faz que é incrível. Voce consegue se dar aquele tapinha nas costas e falar pra voce mesmo: – eu tenho um baita orgulho de tu! eu não queria ser outra pessoa, olha que ser incrível voce se tornou, olha sua trajetória, olha a tua força, a tua doçura. Orgulho define.

E não é papo bobo, é real. Não é otimismo sem noção ou polianismo. A vida é dura sim, toda hora recebemos pequenos torpedos pra não esquecer, mas o que voce fez certo e de bom não perde o valor nem pode ser esquecido ou ignorado. Principalmente por voce. Não espere reconhecimento dos outros e sim o seu, ele que vale a pena. Dá mesma forma que você passa dias olhando pra todas as bolas fora que jogou e se massacrando mentalmente, chega um momento em que voce precisa parar e se ligar que tá construindo caminhos mentais que não vão te ajudar em nada com esses pensamentos de fracasso e dor e começar a vibrar nas tuas conquistas, no seu reconhecimento.

Hoje de manhã recebi um email super encorajador do Carinhas, Melina e Raphael sempre tem uma mensagem bacana pra compartilhar e nesse email eles falavam de como é importante a gente focar no que deu certo, senão ficamos afogados nos problemas e dificuldades, em tudo o que deu errado e nosso brilho some.

Eles disponilizaram um cartão de natal lindão aqui pra voce espalhar a mensagem. E acho essa mensagem tão importante que fiz esse post pra ver se te inspira a ser gentil com voce mesmo.

Manter uma auto estima nivelada é essencial pra poder viver sossegado e em paz, sendo bom pra voce e para as outras pessoas que estão próximas.

Entender como surgem sentimentos e reações, ao que estão ligados, qual o resultado de manter aquela linha de pensamentos. Isso tudo te dá uma visão mais clara sobre as fases que está vivendo e como pode se ajudar a mudar o rumo.

Sem papo de coaching, sem fórmulas prontas, sem ilusões, só a vida real.

Por mais que eu me ligue em tudo o que deu errado esse ano e nos problemas que enfrentei, enfrento e ainda virão, eu não posso fingir que não superei um monte deles, que me lancei com coragem em muitas situações e tirei o melhor de mim nelas. Tive conquistas, tive realizações, tive superações, caramba, esse ano eu tive um crescimento pessoal incrível. Não posso fingir que não vivi o que sinto no meu peito.

Tem uma música que eu adoro do The Mowgli’s – I’m good

 

Aqui tem a letra e a tradução pra facilitar a vida

É por aí, eu tô bem, tô vivendo como deveria e sigo tentando me conhecer e dar o melhor de mim.

Então é isso, pensa no que deu certo, no que voce superou, nas coisas boas que te aconteceram.

É desse universo que vem mais coisa boa e voce pode mudar pra melhor o seu redor e a voce mesmo.

Beijocas da Fabi

 

Pin It on Pinterest

Share This

Assine a newsletter e fique por dentro de lançamentos e promoções especiais para assinantes.

Junte-se a gente!

Você está inscrito e prometo só enviar coisas legais! :-)